(19)

Gerenciamento de Resíduos

O gerenciamento de resíduos tem como objetivo o controle sistemático da geração, coleta, separação, armazenamento, transporte, processamento, tratamento, recuperação e disposição final do mesmo, podendo assim, haver economia de matérias primas e redução das perdas nos processos produtivos, visando sempre o cenário economicamente viável e ambientalmente correta.

Saiba mais sobre encontrar gerenciamento de resíduos

CRIVELLARO é uma empresa especializada no reaproveitamento e descarte de resíduos de produção e materiais. Há mais de 60 anos no mercado, a organização realiza toda a gestão do processo, incluindo a coleta dos resíduos, separação, classificação e descaracterização dos materiais, tornando-os matéria prima para outras empresas, na fabricação de novos produtos, também chamado de Economia Circular.

Entre os serviços prestados estão:

  • Descarte de resíduos;
  • Aterro zero;
  • Coleta de resíduo;
  • Transporte de resíduos;
  • Descaracterização de produtos;
  • Gerenciamento de resíduos;
  • Reciclagem de resíduos;
  • Entre outros.

Com o propósito de assegurar aos seus clientes a destruição, destinação 100 % segura e o reaproveitamento de materiais que se tornariam lixo, sem prejudicar o meio ambiente, a CRIVELLARO possui os certificados ISO 14001 e 9001.

Para isso, a organização conta com duas unidades em Valinhos, somando um total de 58.000m2 de área de trabalho. Além disso, conta com uma frota completa de transporte e manuseio. Variedade de veículos, máquinas e equipamentos como empilhadeiras, tratores, lavadoras, centrífugas, desenvasadoras, trituradores, prensas, entre outros.

Ficou interessado(a)? Descubra mais sobre os serviços oferecidos pela empresa CRIVELLARO entrando em contato agora mesmo.

Gerenciamento de resíduos: um futuro melhor e mais sustentável

O gerenciamento de resíduos é uma forma ecológica de analisar, descaracterizar e gerenciar resíduos sólidos ou líquidos, assim tirando de circulação ou ressignificando na natureza. O processo visa proteger e preservar o planeta, tornando-o mais limpo e evitando a contaminação de afluentes ou biomas.

Saiba mais sobre gerenciamento de resíduos.

O que é gerenciamento de resíduos?

Gerenciamento de resíduos é o nome dado ao processo de coleta, transporte, transbordo, tratamento, destinação e disposição final dos produtos ou sedimentos a serem retirados e destinados para outros locais apropriados. Isso torna a destinação dos dejetos menos agressiva para o ecossistema, o que torna as chances de contaminação de biomas significativamente menor.

O gerenciamento de resíduos sólidos ou líquidos deve ser feito de acordo com a resolução da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), mas também com a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº12.305/2010). Tudo deve ser planejado pela segurança e proteção dos trabalhadores envolvidos, mas também do meio-ambiente a ser preservado, visto que resíduos mal descartados podem representar uma parcela grande da poluição, caso não haja o descarte correto.

Essa técnica de reciclagem (ou destinação correta) é uma forma de tornar os processos ligados a um empreendimento ou companhia mais sustentável. Empresas como a Crivellaro, criadas para realizar o gerenciamento com eficiência, promove uma melhor relação entre negócio e natureza. Através das técnicas apropriadas, há a devolução de matérias-primas ao sistema produtivo com segurança e sustentabilidade.

A ciência e o gerenciamento de resíduos são a forma mais eficaz de cuidar do planeta, para um futuro melhor.

Como é feito gerenciamento de resíduos?

O processo de gerenciamento de resíduos é feito em etapas pensadas para preservar a segurança de todos os envolvidos, mas também relacionadas à forma de manuseio do que está sendo transportado. Cada tipo de dejeto recebe um tratamento diferente, mas todos precisam ser manuseados por especialistas treinados, desta forma não existe a contaminação de pessoas ou do próprio material sendo gerenciado.

As etapas, no geral, são:

  • segregação: separação dos resíduos no local da retirada, levando em consideração as características físicas, químicas e biológicas, o estado atual e calculando os possíveis riscos ao ser manuseado;
  • acondicionamento: tendo separado e reconhecido o resíduo a ser gerenciado, o próximo passo é a embalagem/compartimentação dele;
  • identificação: em seguida é feita a identificação oficial do resíduo recolhido e embalado, informando de forma clara como deverá ser manuseado;
  • transporte interno: o transporte do resíduo até o local de armazenamento e tratamento, essa etapa exige ainda mais segurança para os envolvidos, pois existe a possibilidade de comprometimento da embalagem e não for feita de forma adequada;
  • armazenamento temporário: o resíduo acondicionado, embalado e transporte é armazenado temporariamente antes de ser deslocado novamente e tratado.
  • tratamento: o dejeto recebe o tratamento que o descontamina e modifica as características químicas, físicas ou biológicas, desta forma tornando-o menos perigoso;
  • armazenamento externo: o objeto descontaminado e desconstruído é armazenado em outro recipiente antes de ser transportado novamente;
  • coleta e transporte externo: desta vez com menor possibilidade de contaminação, o resíduo é coletado e transportado, agora ao destino final de reciclagem ou disposição final.
  • disposição final: o local de reciclagem, ou não, receberá os dejetos tratados em uma área preparada previamente e que obedeça os critérios de construção e operação, tendo seu licenciamento ambiente em dia;

Para mais informações sobre gerenciamento de resíduos, fale com a Crivellaro Ambiental. Entre em contato através do telefone, e-mail, formulário disponibilizado pelo site, podendo também nos visitar em nossa matriz ou filial, ambas em Valinhos, no interior de São Paulo.